Lançamento do Mapa do Ensino Superior

O diretor executivo Rodrigo Capelato do Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp), juntamente com a sua equipe lançou no dia 29 de agosto, a 6ª edição do Mapa do Ensino Superior no Brasil.

Na entrevista concedia à equipe da TV Faculdade, Rodrigo Capelato disse-nos que o estudo desenvolvido pelo Semesp é um instrumento que ajuda no planejamento estratégico e na tomada de decisões por parte dos mantenedores. Além disso, a instituição também pode avaliar como está em relação ao todo e à sua região e, um bom instrumento para otimizar os investimentos, comparar, projetar e planejar. Comentou também que existe a necessidade de mudar as regras do FIES, pois de nada adiantaria umentar a capacidade se o Governo não tiver o dinheiro para bancar. Sugeriu que talvez seja o caso de as faculdades darem o incentivo e o Governo a garantia nos casos de inadimplência. O EAD também pode ser uma solução importante, já que a maioria das instituições ainda não oferece essa opção e poderia passar a oferecer.

univ-presbiteriana-mackenzie-esmeralda-rizzo-coord-do-cedadJá pensando em uma expansão geográfica, a Profª Esmeralda Rizzo, coordenadora do Centro de Educação à Distância-CEDaD do Mackenzie avalia que a divulgação do estudo é de suma importância, já que apresenta dados oriundos de uma instituição de confiabilidade e ajudará no planejamento estratégico de sua instituição. O Mackenzie caminha exatamente para uma das alternativas de expansão divulgadas pelo Mapa.

A partir de agosto/16, já oferece cursos à distância em Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo, com cinco postos físicos, e pretende ampliar para mais 12 localidades, incluindo Minas Gerais, Maranhão, Recife, etc. Falou também que o encontro no Semesp é importante para ver a realidade de outras instituições e perceber que “não é só a gente que tem problemas, eles são comuns entre as IES”.

A professora Cecília Tavares de Anderlini, responsável pelas Faculdades Integradas de Botucatu (Unifac), considera o Mapa um instrumento para repensar os caminhos, reformular as estratégias para captação dos alunos para os cursos e que existe uma defasagem entre o que é apresentado na academia e o que é a expectativa de mercado.

univ-sao-judas-tadeu-arthur-sperandeo-de-macedo-vice-presidente-ead

O Vice-Presidente do EAD do Grupo Ânima Educação, Universidade São Judas Tadeu, professor Arthur Sperandeo de Macedo também falou da importância desse encontro dos mantenedores no Semesp: “É sempre bom encontrar os pares e trocar experiências sobre como cada um está enfrentando as dificuldades em momento de crise”. Ele acredita que a situação do ensino superior no Brasil está estabilizando e que é necessário lutar pelos    financiamentos, garantir o acesso do aluno e a retomada do crescimento econômico.

Reportagem: Maqueli Quadros

 

 

Um comentário sobre “Lançamento do Mapa do Ensino Superior

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *